planejamento tributário

Planejamento Tributário: Mude o Foco de Sobreviver Para Crescer!

O planejamento tributário é o primeiro passo para garantir o fôlego financeiro capaz de colocar o seu empreendimento de volta nos trilhos e com foco em crescimento e não em sobrevivência

Com a crise, o que mais se fala é sobre a sobrevivência do seu negócio, mas vamos mostrar como o planejamento tributário pode mudar completamente o seu objetivo de sobreviver para crescer!

Hoje, estamos vivendo  não apenas uma crise, mas a crise da crise, pois antes mesmo da pandemia, muitos empreendedores não sabiam o que fazer e tentavam equilibrar as contas com dificuldade.

Quando a pandemia chegou, novas barreiras se instalaram entre o caminho de sucesso — já bem complexo por si próprio —, e a crise se agravou, e o que antes já era árduo para o empreendedor se tornou praticamente impossível.

E o que vem agora? Desistir do seu sonho? Parar de empreender?

Nós estamos aqui justamente para dizer o contrário.

Não queremos que você desista, mas não queremos nos prender apenas no “querer”, e iremos além para te ajudar de verdade.

Portanto, você já ouviu falar sobre o planejamento tributário?

O que é o planejamento tributário?

O planejamento tributário é uma organização empresarial que visa esclarecer quais são os impostos realmente devidos pela sua empresa ao Fisco, dessa forma, é possível reduzir ou até mesmo anular a quantidade de tributos a pagar.

E antes que isso pareça “bom demais para ser verdade” e você comece a duvidar da procedência dessa prática, devemos esclarecer que ela é 100% legal e, justamente, opera dentro da lei.

Sendo assim, é necessário ter ao seu lado um profissional — ou até mais — para garantir que todas as leis serão revistas (para verificar a necessidade de pagamento) e, ao mesmo tempo, garantir que elas estão sendo cumpridas.

Por que o planejamento tributário pode mudar completamente o rumo da sua empresa?

Como já falamos, o planejamento tributário, além de uma prática legal, é um caminho ótimo para “matar dois coelhos com uma só cajadada”, pois além de reduzir a quantidade de impostos a pagar, pode abrir as portas da oportunidade para o seu negócio.

E se você está se perguntando que oportunidade é essa, iremos esclarecer: com o planejamento tributário, você verifica se há impostos sendo pagos sem a devida necessidade, então, se isso for verdade no seu caso (o que não é raro no Brasil), você pode reaver esses valores!

Então, se você pagou impostos que não eram devidos, pode, sim, reavê-los em forma de abatimento no imposto de mesma natureza ou mesmo em dinheiro — é o que chamamos de recuperação de impostos! 

Por fim, com esses valores retornando ao seu caixa ou impostos futuros já quitados, essa é a oportunidade ideal para deixar de se preocupar em sobrevivência e voltar aos seus planos de crescimento!

E por onde começar?

E agora? Falamos sobre o planejamento tributário, mas, como efetuá-lo?

Bom, o ideal é que você recorra ao seu contador ou a uma contabilidade para que, dessa forma, os impostos sejam apurados de maneira clínica, sem deixar nenhum detalhe “passar batido”!

E quando houver a necessidade de recuperar impostos pagos a maior ao Fisco, conte conosco!

E então, o artigo lhe foi útil? Sendo assim, compartilhe para que outros empreendedores tenham a mesma oportunidade que você!

maneiras de conseguir dinheiro para a sua empresa!

3 maneiras de conseguir dinheiro para a sua empresa!

Conheça 3 maneiras de conseguir dinheiro e um fôlego financeiro para a sua empresa durante a pandemia — acredite, a número 3 vai te surpreender!

Na atual situação pela qual nosso País tem passado, se tornou cada vez mais complicado conseguir dinheiro para sua empresa, afinal de contas, com a recessão econômica, o potencial do mercado cai e a volatilidade aumenta a cada dia mais.

Contudo, mesmo com as enormes restrições, ainda é possível atingir seu objetivo. Fato é que algumas maneiras são mais simples do que outras, mas aqui você vai entender como escolher qual delas é a mais viável para você no atual momento.

Neste artigo, falaremos sobre as principais maneiras de conseguir dinheiro para uma empresa que já esteja em plena atuação no mercado. Sendo assim, você aprenderá a escolher entre as seguintes opções:

  • Empréstimo;
  • Linhas de crédito; e
  • Recuperação de créditos tributários.

Aproveite as informações e boa leitura!

Para conseguir dinheiro para sua empresa, é necessário ter um bom planejamento

Antes de falarmos sobre as maneiras de conseguir dinheiro para sua empresa, é preciso que sejamos prudentes e te alertemos.

É indiscutível que, após algum tempo de atuação no mercado, um negócio que está indo bem precisa crescer — estagnar nunca é uma opção — mas, para isso, é necessário muito mais do que apenas dinheiro.

O crescimento de uma empresa está pautado não apenas na sua capacidade de gerar receita e conseguir investimentos, mas no planejamento que é feito desde o princípio.

Portanto, se você ainda não tem um planejamento, é melhor fazê-lo antes de conhecer as opções que apresentaremos aqui, uma vez que a gestão ainda está acima das quantias que sua conta guarda!

Mas vamos lá!

1° Empréstimo

O empréstimo é, provavelmente, uma das maneiras mais conhecidas de conseguir dinheiro para uma empresa. Dessa maneira, ele consiste em um contrato firmado entre uma instituição financeira e cliente, sendo que este último tem a responsabilidade de fazer a quitação dos valores emprestados dentro do prazo determinado.

Outro ponto importante a ser levado em consideração é que, neste caso, o dinheiro não precisa ser destinado especificamente para uma situação, sendo seu uso livre para o que o empreendedor desejar.

Contudo, como contraponto, surge a necessidade de controle aprimorado, uma vez que é preciso identificar e controlar as ações nas quais o empréstimo teve incidência para que, assim, seja possível identificar os lucros trazidos com ele.

Apesar de viável e simples, é interessante pontuar que, ao fazer um empréstimo, sua empresa terá uma dívida a ser quitada e, portanto, estará mais vulnerável financeiramente diante do mercado.

2° Linhas de crédito

Diferentemente do empréstimo, as linhas de crédito são valores fornecidos para finalidades determinadas em contrato. Ou seja, se o valor for conseguido para a compra de carros, por exemplo, não é possível gastá-lo com a manutenção de computadores.

Desta forma, é importante citar também que as linhas de crédito não envolvem pagamento imediato, uma vez que os valores são liberados de acordo com as necessidades atribuídas a eles.

Para conseguir acesso às linhas de crédito, você pode solicitá-las em instituições financeiras como a Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, em organizações de fomento, como Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) ou Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

3° Recuperação de créditos tributários

A recuperação de créditos tributários é uma das maneiras mais viáveis de conseguir dinheiro para a sua empresa, uma vez que consiste numa metodologia legal, que não gera dívidas e não compromete o capital de giro do seu negócio.

A recuperação é uma maneira de reaver os impostos pagos de maneira indevida ou a maior para o governo, e basta uma simples consulta gratuita para descobrir se você tem o direito a esse benefício.

Quer descobrir se o governo te deve dinheiro? Então clique agora mesmo no botão verde que aparece no canto inferior direito da sua tela e venha falar com a gente!

Nós podemos conseguir dinheiro para o seu negócio!

Capital de Giro

Capital de giro: como conseguir mais dinheiro em tempos de crise?

O capital de giro é algo indispensável para todas as empresas que estão focadas em seus objetivos, mas como conseguir mais dinheiro em meio a uma crise financeira severa?

É indiscutível que nosso País tem passado por um momento delicado, afinal de contas, estamos vivendo um momento histórico que, infelizmente, ninguém esperava que fosse chegar.

Mas isso não afeta somente a população… empresas — até mesmo as gigantes do mercado — têm passado por dificuldades complexas de serem superadas, uma vez que não há injeção financeira para o mercado e todos estão receosos de fazerem investimentos em meio a toda essa volatilidade.

Nesse cenário, é indiscutível que a massiva maioria das empresas têm sido mantidas apenas por meio de seu capital de giro que, inevitavelmente, uma hora deverá se esgotar, posto que não há reposição de valores. 

Então, como evitar que anos de esforços sejam perdidos em meio a esse cenário caótico? Como garantir que seja possível injetar mais dinheiro em uma empresa para financiar seu capital de giro sem a necessidade de recorrer a bancos e investidores externos?

A seguir, você terá a resposta para essa pergunta. Acompanhe o artigo até o fim e aproveite a informação.

Mas antes…

Por que o capital de giro é tão importante para uma empresa — mesmo em tempos de “vacas gordas”?

Uma empresa precisa sobreviver a qualquer tipo de situação — mesmo que nem sempre seja possível efetivar esse objetivo —, e é exatamente esse o papel do capital de giro na performance corporativa: permitir que, em períodos de espera por faturamento, todas as obrigações sejam quitadas e a operação não precise parar, aguardando uma nova injeção financeira para retomar suas atividades.

Em suma, o capital de giro representa o alívio, uma quantia guardada para lidar com situações inusitadas ou apenas para arcar com as responsabilidades do dia a dia, tais quais:

  • Pagar salários;
  • Quitar compromissos com fornecedores;
  • Saldar contas fixas e varáveis; e
  • Investir em inovações que possibilitem um retorno valoroso.

Contudo, em tempos de crise, é normal que todos os empresários coloquem as mãos sobre a cabeça e fiquem se perguntando repetidamente “o que fazer para arcar com compromissos e conseguir mais dinheiro para manter a ‘máquina empresarial’ funcionando?”.

Há uma resposta simples, objetiva e que, de maneira geral, é válida para quase todas as empresas que paguem seus impostos, taxas e tributos, assim como manda a legislação.

A Recuperação de Créditos Tributários como forma de impulsionar o capital de giro

Imagine a seguinte situação: nos últimos quatro anos, você, empresário, tem arcado com suas obrigações de pagar taxas, impostos e tributos para que haja segurança jurídica e sejam extinguidas as possibilidades de problemas com o Fisco. Contudo, por falta de um processo claro, de um bom planejamento tributário ou pelo pouco conhecimento de contadores recém-inseridos no mercado, você esteve pagando valores maiores do que o necessário para o Governo.

É claro que — assim como todos nós já esperamos — a Receita Federal não enviará a você uma carta, um e-mail ou qualquer outro informativo para avisar que houveram pagamentos irregulares, com valores maiores do que o necessário ou de impostos que não eram devidos pela sua empresa… eles deixam que você descubra que isso possa estar acontecendo.

Eles não vão te avisar, porque depois de 5 anos, todo e qualquer valor pago a maior, será extinguido e, em hipótese alguma, poderá ser resgatado por você.

Contudo — e você já está mais do que na metade do caminho —, alguns empreendedores, assim como você, descobrem a possibilidade de recuperar esses valores (sim, o seu dinheiro que está nos cofres do Governo e poderia servir de alívio para o seu negócio neste momento).

A recuperação de créditos tributários é uma atividade legal e prevista na legislação que pode garantir a você e ao seu negócio um bom tempo sem as temidas dores de cabeça para conseguir dinheiro para o capital de giro.

E então, o que está esperando? Para saber se você tem valores a serem resgatados, basta clicar agora mesmo no botão verde que aparece no canto inferior da sua tela e falar com um dos nossos especialistas.

VOCÊ NÃO PAGA NADA PELA CONSULTA.

O que é recuperação de crédito

O que é recuperação de crédito e vale a pena investir nisso agora?

O que é recuperação de crédito tributário: é uma opção viável durante a crise ou apenas mais um beco sem saída?

Além de te explicarmos o que é recuperação de crédito tributário, vamos esclarecer se isso deve ser a sua prioridade agora ou se existem outros assuntos mais importantes a serem tratados na sua empresa

Não é fácil o que o empreendedor brasileiro está enfrentando neste momento, afinal de contas, a pandemia simbolizou não apenas a perda de várias vidas, como, também, a morte de sonhos empreendedores por todo o território nacional.

Na maioria das vezes, fechar as portas não era uma opção paliativa, mas definitiva que colocou muitos empresários de volta ao estágio inicial, contudo, situado em um cenário pouco fértil para o desenvolvimento empresarial.

Contudo, como forma de te proporcionar uma última “carta na manga” para tentar manter o seu negócio vivo e dar continuidade aos seus sonhos, nós vamos apresentar uma saída que talvez você ainda não tenha considerado: a recuperação de crédito tributário.

Mas… você sabe o que é recuperação de crédito tributário?

Se esse conceito ainda não é familiar para você, não se preocupe porque é justamente esse o motivo ao qual estamos ao seu dispor hoje!

Então, fique conosco até o final deste artigo e sane as principais dúvidas que podem transformar o beco sem saída que a sua empresa possa estar em uma verdadeira saída dessa situação.

Boa leitura!

O que é recuperação de crédito?

Antes de ir direto ao assunto, por questões de melhor entendimento do assunto, nós vamos explicar de forma simples o que é recuperação de crédito tributário.

Bom, primeiramente, o crédito tributário é, em suma, a soma das quantias que foram pagas a maior para o Fisco, sendo assim, ao invés de arrecadar exatamente o que você deve para a fiscalização, há um pagamento a mais.

Contudo, precisamos deixar alguns pontos bem claros: 

  • 1º: NÃO é obrigação do Fisco analisar e identificar nenhuma quantia paga a mais pela sua empresa;
  • 2º: a existência de crédito tributário não é regra, apesar de ser extremamente recorrente. Ou seja, nem todas empresas possuem créditos a serem recuperados pois nem todas pagaram em demasia em algum momento.

Dessa forma, a recuperação desses créditos é, basicamente, o ato de reclamar esses valores e, se houverem comprovações, a devolução do que é seu por direito. 

O que é recuperação de crédito para a sua empresa em momentos de crise?

Na crise, principalmente quando falamos sobre o aspecto empresarial, dinheiro é a diferença entre falir e se ver cercado de dívidas ou se manter e, até mesmo, crescer.

Contudo, esses valores tão desejados precisam vir de algum lugar, certo? E com a recuperação de crédito tributário, esse “empurrãozinho” que faltava para que a sua situação mudasse da água para o vinho é possível.

Mas, é importante frisar: nem sempre o crédito é devolvido em dinheiro na sua conta, pois, apesar dessa ser uma das opções, a outra é o abatimento sobre impostos da mesma natureza — pense dessa forma: é como se você usasse esse dinheiro a mais para pagar impostos futuros.

Como saber se realizar a recuperação de crédito é uma saída ou um beco sem saída para a sua empresa?

Por fim, como já citamos, a recuperação de crédito tributário não é uma regra para todas as empresas, apesar de ser extremamente frequente a existência dele, e tomar cuidado com esse aspecto não pode ser deixado de lado no seu caso.

Sendo assim, é necessária a ajuda de profissionais que não apenas consigam averiguar a existência do crédito, mas que possam comprovar e seguir o processo completo, cuidando para que todas as burocracias sejam cumpridas.

E se você quer essa segurança para a sua empresa, ainda mais neste momento, basta nos chamar apertando no botão verde que está no canto inferior direito da sua tela agora mesmo!

Estamos apenas te esperando! 

recuperação de crédito tributário em Joinville

Recuperação de crédito tributário em Joinville: oportunidade ou não?

A recuperação de crédito tributário em Joinville pode ser a luz no final do túnel que você está procurando para a sua empresa!

Se você acha que esgotou todas as saídas possíveis que a sua empresa poderia recorrer, conheça agora mesmo a recuperação de crédito tributário em Joinville e salve-se da crise!

Se a crise já tinha colocado o empreendedor numa saia-justa em diversas situações, com a chegada da pandemia, esse cenário não apenas piorou como virou o mundo de cabeça para baixo.

Afinal, ninguém esperava que surgisse a necessidade de mudanças tão drásticas e por tanto tempo para que, dessa forma, o combate à doença fosse mais eficaz.

Contudo, nem tudo ocorreu como planejado, e os empresários se viram em circunstâncias tão críticas que uns tiveram que encerrar seus sonhos de empreender e tentar seguir a vida como pudesse.

Mas, você e sua empresa ainda podem fugir dessa realidade! Pensando nisso, hoje, vamos falar sobre uma saída que talvez ainda não tenha surgido no seu hall de possibilidades, porém deve ser considerada imediatamente: a recuperação de crédito tributário em Joinville!

Então, nos acompanhe até o final deste artigo que iremos elucidar algumas das questões mais frequentes sobre o assunto!

Boa leitura!

Você sabe o que é a recuperação de crédito tributário em Joinville?

Antes de falar como você pode usar a recuperação de crédito tributário em Joinville para salvar sua empresa de uma ruína financeira, iremos falar o mais brevemente possível sobre o que é esse processo.

Visto isso, a recuperação de crédito tributário em Joinville nada mais é do que o resgate de tributos pagos a mais de maneira equivocada ao Fisco, e essa quantia paga indevidamente pode ser devolvida em:

  • dinheiro: os valores que foram pagos a mais são devolvidos integralmente na conta bancária do seu empreendimento; e
  • abatimentos: os valores pagos a maior são abatidos em futuros impostos de mesma natureza.

Mas, quais oportunidades a recuperação de crédito tributário em Joinville pode oferecer para o seu negócio?

Agora que você sabe o que é a recuperação de crédito tributário em Joinville, é possível enxergar uma gama favorável de possibilidades para o futuro da sua empresa, certo?

Afinal, em um primeiro cenário, você tem a possibilidade de reaver valores monetários que, com certeza, são muito requeridos em um momento como este, dando o fôlego financeiro necessário para dar uma verdadeira “guinada” no seu empreendimento.

Por outro lado, caso haja o abatimento de tributos da mesma espécie, você pode ficar mais tranquilo sabendo que o pagamento de certos impostos já foi realizado, o que te deixa livre para usar ou poupar o dinheiro que teria esse destino.

E como saber se você tem tributos a serem recuperados?

De fato, nem toda empresa tem o direito de realizar a recuperação de impostos, pois se não houve pagamento a maior, não há possibilidade de ressarcimento.

Contudo, essa é a realidade da maioria das empresas no Brasil, afinal, com o código tributário mais complexo do mundo, o que leva diversos empreendimentos a perderem dinheiro entre um imposto e outro.

Mas, para não apenas ter plena certeza da existência desses ressarcimentos como, também, do correto cumprimento dos procedimentos para reaver esses valores, você precisa de profissionais que saibam como exercer tudo de acordo com a lei.

E nós, da Heins, somos especialistas nisso! Então, para ter a tranquilidade de ter todos os processos realizados de maneira impecável, é só clicar no botão verde que aparece no canto inferior da sua tela e falar com um de nossos especialistas agora mesmo!

Estamos apenas te esperando!